quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Emoções de final de ano que se prolongarão

Share
"...A sina é sonhar
Eu pago pra ver qual o meu lugar
Que a vida é um dia
Um dia sem culpa
Um dia que passa aonde a gente está..."
"...Sabe o que quer
Sabe quem tem o que se quer"

"Vai, pode falar, pode escrever
Eu vou me entregar
No meu lugar, quem não faria?

Diz que é loucura, diz que é besteira, mas eu não vou ligar
Não tente entender
E o tempo dirá
A sina é sonhar
Que eu pago pra ver
Qual meu lugar
Que a vida é um dia
Um dia sem culpa
Um dia que passa aonde a gente está

Ah, se eu tenho tanto a perder
Eu perco é o medo do que a sorte lê
Sabe o que quer
Sabe quem tem o que se quer

Diz que é loucura, diz que é besteira, mas eu não vou ligar
Não tente entender
E o tempo dirá
A sina é sonhar
Eu pago pra ver qual o meu lugar
Que a vida é um dia
Um dia sem culpa
Um dia que passa aonde a gente está
Ah, se eu tenho tanto a perder
Eu perco é o medo do que a sorte lê
Sabe o que quer
Sabe quem tem o que se quer"
O que se quer - Marisa Monte e Rodrigo Amarante
Share
Voltei ontem a Madrid, cidade de me encanta há muitos anos de uma forma quase genética. E deixei-a no mesmo dia com uma doce sensação de dever cumprido e de melhores perspectivas para o ano que se aproxima velozmente. Deixei-a também com uma deliciosa sensação que ainda vou ser muito feliz lá diversas vezes, seja pelo mesmo tipo de razões que me levaram lá ontem mas também por um emocionante sintoma de saudades de um futuro que teremos desfrutando-a em conjunto, guapa. Gracias por todo a las duas :).
Hasta pronto Madrid.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Gosto muito

Share
Principalmente pelo acréscimo de emoções que esta versão me traz. É uma das musicas da minha vida, perfumada com muitos encantos e devoções recentes que ganharam forma numa terça feira 27, tal como hoje.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

E pronto, já está

Share
Mais um ano, entremos então nos 43, apesar de só ter nascido às nove da manhã, acho que já posso considerar oficioso estes 43 que, somados, fazem aquilo que muita gente diz ser um algarismo mágico e magia é o que todos nós precisamos. Da minha parte, espero um ano assim para nós. E desejo-o também a todos os meus amigos.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

ui, está quase...

Share
E nada melhor do que entrar neste novo ano de vida com quem se quer inteiramente ao lado. Mesmo que a dormir no nosso ombro. Além de ter outra paixão a dormir aos nossos pés. As minhas duas sonecas. Sweet :)
"O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar p´ra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há-de dizer.
Fala: parece que mente...
Cala: parece esquecer...

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
P´ra saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!"
Quadras - Camané

sábado, 17 de dezembro de 2011

Sodade

Share
Tenho muita pena.
"Quem mostra' bo
Ess caminho longe?
Quem mostra' bo
Ess caminho longe?
Ess caminho
Pa São Tomé

Sodade sodade
Sodade
Dess nha terra Sao Nicolau

Si bô 'screvê' me
'M ta 'screvê be
Si bô 'squecê me
'M ta 'squecê be
Até dia
Qui bô voltà

Sodade sodade
Sodade
Dess nha terra Sao Nicolau"
Sodade - Cesária Évora

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Delícia!!!

Share

""É o tempo do muito, do tanto que eu vejo - a nossa semelhança..."

Share

"Nada, nada, nada
Tudo, tudo, tudo
Nada e tudo, eu não sei mais
O que não é inteiro
Nosso mundo vai - de alma
Com o pé na terra
E no escuro se vê
Já se vê
É o tempo do muito, do tanto
Que eu vejo - a nossa semelhança
E todo o toque - já é novidade
Juntos a um passo do distante
A nossa diferença nos faz
Iguais ao sabor
Desse sal, doce sal
Que tempera a nossa cidade
Nossa luz, sal do céu
Nos olha e mira, atira
Dispara e se espalha em som"
Nada tudo - Marisa Monte

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Gostar é ter certezas

Share
"...Não há você sem mim
E eu não existo sem você..."
Eu não existo sem você - Tom Jobim e Vinícius de Moraes

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

"Sabe quem tem o que se quer"

Share
E cada dia faz mais sentido...

"Vai, pode falar, pode escrever
Eu vou me entregar
No meu lugar, quem não faria?

Diz que é loucura, diz que é besteira, mas eu não vou ligar
Não tente entender
E o tempo dirá
A sina é sonhar
Que eu pago pra ver
Qual meu lugar
Que a vida é um dia
Um dia sem culpa
Um dia que passa aonde a gente está

Ah, se eu tenho tanto a perder
Eu perco é o medo do que a sorte lê
Sabe o que quer
Sabe quem tem o que se quer

Diz que é loucura, diz que é besteira, mas eu não vou ligar
Não tente entender
E o tempo dirá
A sina é sonhar
Eu pago pra ver qual o meu lugar
Que a vida é um dia
Um dia sem culpa
Um dia que passa aonde a gente está
Ah, se eu tenho tanto a perder
Eu perco é o medo do que a sorte lê
Sabe o que quer
Sabe quem tem o que se quer"
O que se quer - Marisa Monte

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

E pronto, era só isto...

Share

"Nada vai permanecer
No estado em que está

Eu só penso em ver você
Eu só quero te encontrar

Geleiras vão derreter
Estrelas vão se apagar

E eu pensando em ter você
Pelo tempo que durar

Coisas vão se transformar
Para desaparecer

E eu pensando em ficar
A vida a te transcorrer

E eu pensando em passar
Pela vida com você"
Pelo tempo que durar - Marisa Monte

"... Para o telefone que toca
Para a água lá na poça
Para a mesa que vai ser posta
Para você, o que você gosta:
Diariamente."
Diariamente - Marisa Monte

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Nova turnê de Carlinhos Brown, "Româmtico ambiente"

Share
Porque Brown é carnaval, romance, suingue, festa e dança, tudo num só.

Essa eu gostava de ver, principalmente se desse para ser no Rio se se puder pedir.

Today is better than yesterday :)

Share
Toques simples e recantos cúmplices a qualquer hora.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Ela gosta da minha música e eu gosto da música dela ;)

Share

"Ela
Eu vivo o tempo todo com ela
Ela
Eu vivo o tempo todo pra ela

Minha música
Musa única, mulher
Mãe dos meus filhos, ilhas de amor
Cada ilha, um farol
No mar da procela, ela
Ela
Ela que me faz um navegador
Sobretudo ela
Ela que me faz um navegador"
Ela (Rap da Clara) - Clara Moreno

"Ela" é uma música original de Gilberto Gil e esse dueto com o Moska também é nice.

Dia Nacional do Samba

Share

"A tristeza é senhora
Desde que o samba é samba é assim
A lágrima clara sobre a pele escura
A noite, a chuva que cai lá fora
Solidão apavora
Tudo demorando em ser tão ruim
Mas alguma coisa acontece
No quando agora em mim
Cantando eu mando a tristeza embora

A tristeza é senhora
Desde que o samba é samba é assim
A lágrima clara sobre a pele escura
A noite e a chuva que cai lá fora
Solidão apavora
Tudo demorando em ser tão ruim
Mas alguma coisa acontece
No quando agora em mim
Cantando eu mando a tristeza embora

O samba ainda vai nascer
O samba ainda não chegou

O samba não vai morrer
Veja o dia ainda não raiou

O samba é o pai do prazer
O samba é o filho da dor

O grande poder transformador"
Desde que o samba é samba - Caetano Veloso e Gilberto Gil

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Maçã

Share
Adoro essa música e essa canja dos dois mestres é tudo!! Eu também quero beijar a boca do Futuro, Seu Jorge. E já a beijo no presente.

"...Teu beijo é Nova York
O que quer dizer maçã
Como é bom te querer
Acordei, tava frio
Dei a volta e voltei pro Rio"
Maçã - Djavan

Acreditar

Share
Sem dúvidas de querer

"From where I was standing
It was hard to see, hard to see
But what has always been
Will forever be, forever be

And now you're running down my spine
Like a waterfall, like a waterfall
I want to write your name
On every wall, on every wall

I believe in you
I believe in you
I believe in you, yes, I do
I believe in you

Up and down the river
In a little boat, a little boat
All I need is you and a castle
All made of hope, all made of hope

I can walk through the doors of time
Scale any wall and cross any line
I can send any thought to the end of the finger
And burn any knot with a kiss

I believe in you
I believe in you
I believe in you, yes, I do
And I believe in you

From the bottom of the root
To the top of the leaf, the top of the leaf
I can drink maple water
Any time I believe, any time I believe

I was frozen, I was blowing
In a blade of grass
Of running out of honey
Of living in the past

I believe in you
'Cause I believe in you
I believe in you, yes, I do
I believe in you, yes, I do
I believe in you
'Cause I believe in you
I believe in, I believe in, I believe in you, yeah
I believe in you
Yeah, I believe in you"
I believe in you - Black Dub

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Hoje acordei assim

Share
Não há coisa melhor que adormecer e acordar com banda sonora e com a felicidade ao nosso lado.

"Me cansei de lero-lero
Dá licença, mas eu vou sair do sério
Quero mais saúde
Me cansei de escutar opiniões
De como ter um mundo melhor

Mas ninguém sai de cima, nesse chove-não-molha
Eu sei que agora eu vou é cuidar mais de mim

Como vai? Tudo bem
Apesar, contudo, todavia, mas, porém
As águas vão rolar, não vou chorar
Se por acaso morrer do coração
É sinal que amei demais

Mas enquanto estou viva e cheia de graça
Talvez ainda faça um monte de gente feliz

Como vai? Tudo bem
Apesar, contudo, todavia, mas, porém
As águas vão rolar, não vou chorar, não!
Se por acaso morrer do coração
É sinal que amei demais

Mas enquanto estou viva e cheia de graça
Talvez ainda faça um monte de gente feliz"
Saúde - Rita Lee

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Não sei parar...

Share

Apeteceu-me

Share
Além de ser lindo, é actual face à decisão que se vai tomar este fim de semana para tornar o fado património cultural imaterial da Unesco. Esta é uma magnífica demonstração da universalidade e da versatilidade do fado. Amo este momento.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Sem nuvens

Share
O nosso horizonte é límpido e infinito.
"...my care for youis from the ground up to the sky it's over under up abovedown below and to the side..."
By my side - Ben Harper


"O mar anterior a nós, teus medos
Tinham coral e praias e arvoredos.
Desvendadas a noite e a cerração,
As tormentas passadas e o mistério,
Abria em flor o Longe, e o Sul sidério
'Splendia sobre as naus da iniciação.

Linha severa da longínqua costa -
Quando a nau se aproxima ergue-se a encosta
Em árvores onde o Longe nada tinha;
Mais perto, abre-se a terra em sons e cores:
E, no desembarcar, há aves, flores,
Onde era só, de longe a abstracta linha.

O sonho é ver as formas invisíveis
Da distância imprecisa, e, com sensíveis
Movimentos da esp'rança e da vontade,
Buscar na linha fria do horizonte
A árvore, a praia, a flor, a ave, a fonte
Os beijos merecidos da Verdade."
Fernando Pessoa

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Sabia...

Share
Um dia aconteceu você e nada foi como antes.
"Sabia
Gosto de você chegar assim
Arrancando páginas dentro de mim
Desde o primeiro dia

Sabia
Me apagando filmes geniais
Rebobinando o século
Meus velhos carnavais
Minha melancolia

Sabia
Que você ia trazer seus instrumentos
E invadir minha cabeça
Onde um dia tocava uma orquestra
Pra companhia dançar

Sabia
Que ia acontecer você, um dia
E claro que já não me valeria nada
Tudo o que eu sabia
Um dia"
Lola - Chico Buarque

"Estamos meu bem por um triz, pro dia nascer feliz..."

Share
Hoje mais que ontem...

sábado, 19 de novembro de 2011

Novidades das terras de Santa Cruz

Share
Chama-se Criolo e, apesar de uma carreira já significativa, arrasou nos últimos Video Music Brasil 2011 da MTV. E até o Chico já lhe dedicou um rap.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Porque... tu sabes

Share
É delicioso saber porque se esperou.

"...The songs are in your eyes
I see them when you smile
I've seen enough I'm not giving up
On a miracle drug..."
Miracle Drug - U2

"I've got an angel
She doesn't wear any wings
She wears a heart that can melt my own
She wears a smile that can make me wanna sing
She gives me presents
With her presence alone
She gives me everything I could wish for
She gives me kisses on the lips just for coming home..."
Angel - Jack Johnson

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Me and you, you and me

Share

Porque sim

Share
Vamos guardá-las e mantê-las todas, sim?
Porque hoje é mais que ontem!!

"Deixa eu dizer que te amo
Deixa eu pensar em você
Isso me acalma, me acolhe a alma
Isso me ajuda a viver

Hoje contei pras paredes
Coisas do meu coração
Passei no tempo, caminhei nas horas
Mais do que passo a paixão

É um espelho sem razão
Quer amor, fique aqui

Deixa eu dizer que te amo
Deixa eu gostar de você
Isso me acalma, me acolhe a alma
Isso me ajuda a viver

Hoje contei pras paredes
Coisas do meu coração
Passei no tempo, caminhei nas horas
Mais do que passo a paixão

É o espelho sem razão
Quer amor, fique aqui

Meu peito agora dispara
Vivo em constante alegria
É o amor que está aqui"
Amor I love you - Marisa Monte

Obrigado por me dares tanta coisa da forma mais simples.

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Life is good when goodbye only means "Até logo" :)

Share
"...Close your eyes,
when you open them dear I'll be near.
By your side..."

"...You go to my head
With smile that makes my temperature rise
Like a summer with a thousand Julys
You intoxicate my soul with your eyes
Tho I'm certain that this heart of mine
Hasn't a ghost of a chance in this crazy romance..."

"Someone to hold me tight
That would be very nice
Someone to love me right
That would be very nice
Someone to understand
Each little dream in me
Someone to take my hand
And be a team with me

So nice, life would be so nice
If one day I'd find
Someone who would take my hand
And samba through life with me

Someone to cling to me
Stay with me right or wrong
Someone to sing to me
Some little samba song
Someone to take my heart
And give his heart to me
Someone who's ready to
Give love a start with me

Oh yeah, that would be so nice
I could see you and me, that would be nice

Someone to hold me tight
That would be very nice
Someone to love me right
That would be very nice
Someone to understand
Each little dream in me
Someone to take my hand
To be a team with me
So nice, life would be so nice
If one day I'd find
Someone who would take my hand
And samba through life with me

Someone to cling to me
Stay with me right or wrong
Someone to sing to me
Some little samba song
Someone to take my heart
And give his heart to me
Someone who's ready to
Give love a start with me

Oh yes, that would be so nice
Shouldn't we, you and me?
I can see it will be nice..."
So nice - Bebel Gilberto

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

"Ainda bem" que voltou Marisa

Share
Esta música, então, chegou no momento certo!

"Seja feliz
Com seu país
Seja feliz
Sem raiz
Seja feliz
Com seu irmão
Seja feliz
Sem razão
Tão longa a estrada
Tão longa a sina
Tão curta a vida
Tão largo o céu
Tão largo o mar
Tão curta a vida
Curta a vida
Seja legal
Com seu amor
Seja legal
Sem pudor
Seja gentil
Com sua figura
Seja gentil
Sem frescura
Tão longa a estrada
Tão longa a sina
Tão curta a vida
Tão largo o céu
Tão largo o mar
Tão curta a vida
Curta a vida"
Seja Feliz - Marisa Monte

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

O equilíbrio das coisas simples

Share
"...I remember when you told me
"Love is touching souls"
Surely you touched mine...
You are in my blood like holy wine
You taste so bitter and you taste so sweet
Oh I could drink a case of you..."
A case of you - James Blake

Não quero

Share

...

Share
projetar
Significado de Projetar
v.t. Atirar à distância; arremessar; arrojar.
Fazer um projeto ou uma planta de: projetar uma casa.
Fazer passar (filmes, slides, gravuras etc.) num aparelho que estampa tais imagens numa tela.
Planear; formar o desígnio de: projetar uma viagem.

To build a home - Patrick Watson

terça-feira, 8 de novembro de 2011

...

Share
"Everything that I said I'd do
Like make the world brand new
And take the time for you..."

"Oh menina, parece índia Yanomami seu cabelo preto breu..."

Share
"Se quer tamanho vou despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu!"

"Ô menina, parece índia Yanomami seu cabelo preto breu
Simula um toque, que desabroche
Esse teu casto mastigado pelo meu

Se quer tamanho vou despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu

Ô menina, parece índia Ianomami seu cabelo preto breu
Simula um toque, que desabroche
Esse teu casto mastigado pelo meu

Se quer tamanho vou despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu

Venha sem chão me ensina a solidão de ser só dois
Depois te levo pra casa
Que o teu laranja é que me faz ficar bem mais

Ô menina, parece índia Ianomami seu cabelo preto breu
Simula um toque, que desabroche
Esse teu casto mastigado pelo meu

Se quer tamanho vou despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu

Venha sem chão me ensina a solidão de ser só dois
Depois te levo pra casa
Que o teu laranja é que me faz ficar bem mais

Se quer tamanho vou te despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu

Se quer tamanho vou te despir a alma
E afogar a calma salivando um beijo teu
Siga a seta e diga que sou seu
Siga a seta e diga que sou seu
Siga a seta e diga que sou seu"
Laranja - Maria Gadú e Leandro Leo

Já faz 10 anos

Share
Ninguém merece morrer tão novo.

"É uma índia com colar
A tarde linda que não quer se pôr
Dançam as ilhas sobre o mar
Sua cartilha tem o "A" de que cor?

O que está acontecendo?
O mundo está ao contrário e ninguém reparou
O que está acontecendo?
Eu estava em paz quando você chegou

E são dois cílios em pleno ar
Atrás do filho vem o pai e o avô
Como um gatilho sem disparar
Você invade mais um lugar onde eu não vou

O que você está fazendo?
Milhões de vasos sem nenhuma flor
O que você está fazendo?
Um relicário imenso desse amor

Corre a lua, porque longe vai?
Sobe o dia tão vertical
O horizonte anuncia com o seu vitral
Que eu trocaria a eternidade por essa noite

Porque está amanhecendo?
Peço o contrário, ver o sol se por
Porque está amanhecendo?
Se não vou beijar seus lábios quando você se for

Quem nesse mundo faz o que há durar
Pura semente, dura o futuro amor
Eu sou a chuva prá você secar
Pelo zunido das suas asas você me falou

O que você está dizendo?
Milhões de frases sem nenhuma cor
O que você está dizendo?
Um relicário imenso desse amor

O que você está dizendo?
O que você está fazendo?
Porque que está fazendo assim?
Está fazendo assim!"
Relicário - Nando Reis e Cássia Eller

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Mais uns portugueses talentosos, gosto

Share

Tempest girl - At Freddy's House

"Gata, você é muito!..."

Share
"Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo à porta.

O amor não é chegado em fazer contas, não obedece à razão.

O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.

Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano.

Isso são só referenciais.

Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Você ama aquela petulante.

Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.

Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina o Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam.

Então?

Então que ela tem um jeito de sorrir que o deixa mobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você.

Isso tem nome.

Você ama aquele cafajeste.

Ele diz que vai ligar e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário.

Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha.

Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.

Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga.

Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas.

Por que você ama este cara?

Não pergunte pra mim, você é inteligente.

Lê livros, revistas, jornais.

Gosta dos filmes dos irmãos Cohen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.

É bonita.

Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar.

Independente, emprego fixo, bom saldo no banco.

Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu
fettuccini ao pesto é imbatível.

Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo.

Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?

Ah, o amor, essa raposa.

Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.

Não funciona assim.

Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC.

Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível, honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!

Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é!"
Crônica sobre o Amor - Arnaldo Jabor

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

"Deixa estar que o que for pra ser vigora..."

Share
Foi... Uma transbordante felicidade que já existia e se mantêm numa permanente ampliação e onde a música tem um papel tão terno, envolvente e marcante.

"Sai de si
Vem curar teu mal
Te transbordo em som
Poe juizo em mim
Teu olhar me tirou daqui
Ampliou meu ser
Quero um pouco mais
Não tudo
Pra gente não perder a graça no escuro
No fundo
Pode ser até pouquinho
Sendo só pra mim sim

Olhe só
Como a noite cresce em glória
E a distância traz
Nosso amanhecer
Deixa estar que o que for pra ser vigora
Eu sou tão feliz
Vamos dividir

Os sonhos
Que podem transformar o rumo da história
Vem logo
Que o tempo voa como eu
Quando penso em você

Olhe só
Como a noite cresce em glória
E a distância traz
Nosso amanhecer
Deixa estar que o que for pra ser vigora
Eu sou tão feliz
Vamos dividir

Os sonhos
Que podem transformar o rumo da história
Vem logo
Que o tempo voa como eu
Quando penso em você"
Encontro - Maria Gadú

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Ela diz mata, eu digo esfola

Share
É uma sintonia tranquila mas envolvente. Uma cumplicidade viciante. Uma inspiração terna. Uma vontade constante...
Logo lá estaremos!

"Onde queres revólver, sou coqueiro
E onde queres dinheiro, sou paixão
Onde queres descanso, sou desejo
E onde sou só desejo, queres não
E onde não queres nada, nada falta
E onde voas bem alto, eu sou o chão
E onde pisas o chão, minha alma salta
E ganha liberdade na amplidão

Onde queres família, sou maluco
E onde queres romântico, burguês
Onde queres Leblon, sou Pernambuco
E onde queres eunuco, garanhão
Onde queres o sim e o não, talvez
E onde vês, eu não vislumbro razão
Onde o queres o lobo, eu sou o irmão
E onde queres cowboy, eu sou chinês

Ah! Bruta flor do querer
Ah! Bruta flor, bruta flor

Onde queres o ato, eu sou o espírito
E onde queres ternura, eu sou tesão
Onde queres o livre, decassílabo
E onde buscas o anjo, sou mulher
Onde queres prazer, sou o que dói
E onde queres tortura, mansidão
Onde queres um lar, revolução
E onde queres bandido, sou herói

Eu queria querer-te amar o amor
Construir-nos dulcíssima prisão
Encontrar a mais justa adequação
Tudo métrica e rima e nunca dor
Mas a vida é real e é de viés
E vê só que cilada o amor me armou
Eu te quero (e não queres) como sou
Não te quero (e não queres) como és

Ah! Bruta flor do querer
Ah! Bruta flor, bruta flor

Onde queres comício, flipper-vídeo
E onde queres romance, rock?n roll
Onde queres a lua, eu sou o sol
E onde a pura natura, o inseticídio
Onde queres mistério, eu sou a luz
E onde queres um canto, o mundo inteiro
Onde queres quaresma, fevereiro
E onde queres coqueiro, eu sou obus

O quereres e o estares sempre a fim
Do que em mim é em mim tão desigual
Faz-me querer-te bem, querer-te mal
Bem a ti, mal ao quereres assim
Infinitivamente pessoal
E eu querendo querer-te sem ter fim
E, querendo-te, aprender o total
Do querer que há, e do que não há em mim"
O quereres - Caetano Veloso e Maria Gadú

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

"A paz fez um mar da revolução invadir meu destino..."

Share
E não havia nada que eu desejasse mais...

"A paz invadiu o meu coração
De repente, me encheu de paz
Como se o vento de um tufão
Arrancasse meus pés do chão
Onde eu já não me enterro mais

A paz fez um mar da revolução
Invadir meu destino; A paz
Como aquela grande explosão
Uma bomba sobre o Japão
Fez nascer o Japão da paz

Eu pensei em mim
Eu pensei em ti
Eu chorei por nós
Que contradição
Só a guerra faz
Nosso amor em paz

Eu vim
Vim parar na beira do cais
Onde a estrada chegou ao fim
Onde o fim da tarde é lilás
Onde o mar arrebenta em mim
O lamento de tantos "ais""
A paz - Gilberto Gil

terça-feira, 1 de novembro de 2011

"calmo amor prestante..."

Share

"Amo-te tanto, meu amor... não cante
O humano coração com mais verdade...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade.

Amo-te afim, de um calmo amor prestante
E te amo além, presente na saudade
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim, muito e amiúde
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude."
Soneto do amor total - Vinícius de Moraes

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Preciso...

Share
“Quando a gente conversa
Contando casos, besteiras
Tanta coisa em comum
Deixando escapar segredos
E eu não sei que hora dizer
Me dá um medo, que medo
É que eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
É, eu preciso dizer que eu te amo tanto
E até o tempo passa arrastado
Só pra eu ficar do teu lado
Você me chora dores de outro amor
Se abre e acaba comigo
E nessa novela eu não quero
Ser teu amigo
É que eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
É, eu preciso dizer que eu te amo tanto
Eu já nem sei se eu tô misturando
Eu perco o sono
Lembrando em cada riso teu
Qualquer bandeira
Fechando e abrindo a geladeira
A noite inteira
Eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
Eu preciso dizer que eu te amo tanto”
Preciso dizer que te amo - Cazuza & Bebel Gilberto

sábado, 29 de outubro de 2011

Grande noite

Share
Belo concerto do Marco Rodrigues, uma das vozes mais contemporâneas do novo fado. Uma verdadera ode à nossa linda Lisboa.

Tantas Lisboas - Marco Rodrigues

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

sabor salgado a Milfontes

Share

Bird on the wire - Adam Cohen

Doce mês de devoção

Share
"Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido

Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor obrigação de acontecer

Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato baby
A beleza é mesmo tão fugaz

É uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor pretenção de acontecer

Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então,
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer

Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber

Eu gosto tanto de você
Que até prefiro esconder
Deixo assim ficar
Subentendido

Como uma idéia que existe na cabeça
E não tem a menor pretenção de acontecer

Pode até parecer fraqueza
Pois que seja fraqueza então,
A alegria que me dá
Isso vai sem eu dizer

Se amanhã não for nada disso
Caberá só a mim esquecer
E eu vou sobreviver...
O que eu ganho, o que eu perco
Ninguém precisa saber"
Apenas mais uma de amor - Lulu Santos

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

"Gostar é actual, além de ser tão bom..."

Share

"Um olhar uma luz ou um par de pérolas
Mesmo sendo azuis sou teu e te devo
Por essa riqueza

Uma boca que eu sei
Não porque me fala lindo
E sim, beija bem
Tudo é viável pra quem faz com prazer

Sedução, frenesi
Sinto você assim, sensual, árvore
Espécie escolhida, pra ser a mão do ouro
O outono traduzir viver o esplendor em si.....

Tua pele um bourbon me aquece como eu quero
Sweet home gostar é atual além de ser tão bom..."
Outono - Djavan

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Abraço contínuo

Share
Mesmo quando não é salgado...

"Meu coração, não sei porquê..."

Share
"E os meus olhos ficam sorrindo
E pelas ruas, vão te seguindo..."

"Vem sentir o calor
Nos lábios meus
À procura dos teus..."
Então, serei feliz!

Simplesmente espetacular

Share

"Quando
tu me vires no futebol
estarei no campo
cabeça ao sol
a avançar pé ante pé
para uma bola que está
à espera dum pontapé
à espera dum penalty
que eu vou transformar para ti
eu vou
atirar para ganhar
vou rematar
e o golo que eu fizer
ficará sempre na rede
a libertar-nos da sede
não me olhes só da bancada lateral
desce-me essa escada e vem deitar-te na grama
vem falar comigo como gente que se ama
e até não se poder mais
vamos jogar
Quando
tu me vires no music-hall
estarei no palco
cabaça ao sol
ao sol da noite das luzes
à espera dum outro sol
e que os teus olhos os uses
como quem usa um farol
não me olhes só dessa frisa lateral
desce peça cortina e acompanha-me em cena
vamos dar à perna como gente que se ama
e até não se poder mais
vamos bailar
Quando
tu me vires na televisão
estarei no écran
pés assentes no chão
a fazer publicidade
mas desta vez da verdade
mas desta vez da alegria
de duas mãos agarradas
mão a mão no dia a dia
não me olhes só desse maple estofado
desce pela antena e vem comigo ao programa
vem falar à gente como gente que se ama
e até não se poder mais
vamos cantar
E quando
à minha casa fores dar
vem devagar
e apaga-me a luz
que a luz destoutra ribalta
às vezes não me seduz
às vezes não me faz falta
às vezes não me seduz
às vezes não me faz falta"
Espetáculo - Clã e Sérgio Godinho

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Contigo...

Share
"Contigo aprendí
Que existen nuevas y mejores emociones
Contigo aprendí
A conocer un mundo lleno de ilusiones
Aprendí
Que la semana tiene más de siete días
A hacer mayores mis contadas alegrías
Y a ser dichoso yo contigo lo aprendí
Contigo aprendí
A ver la luz del otro lado de la luna
Contigo aprendí
Que tu presencia no la cambio por ninguna
Aprendí
Que puede un beso ser más
grande y más profundo
Que puedo irme mañana mismo de este mundo
Las cosas buenas ya contigo las viví
Y contigo aprendí
Que yo nací el día en que te conocí
Contigo aprendí
A ver la luz del otro lado de la luna
Contigo aprendí
Que tu presencia no la cambio por ninguna
Aprendí
Que puede un beso ser más
grande y más profundo
Que puedo irme mañana mismo de este mundo
Las cosas buenas ya contigo las viví
Y contigo aprendí
Que yo nací el día en que te conocí"
Contigo aprendi - Simone (Armando Manzanero)

domingo, 23 de outubro de 2011

E em finais de Outubro, o Verão despediu-se...

Share
"Chove. Há silêncio, porque a mesma chuva
Não faz ruído senão com sossego.
Chove. O céu dorme. Quando a alma é viúva
Do que não sabe, o sentimento é cego.
Chove. Meu ser (quem sou) renego…

Tão calma é a chuva que se solta no ar
(Nem parece de nuvens) que parece
Que não é chuva, mas um sussurrar
Que de si mesmo, ao sussurrar, se esquece.
Chove. Nada apetece…

Não paira vento, não há céu que eu sinta.
Chove longínqua e indistintamente,
Como uma coisa certa que nos minta,
Como um grande desejo que nos mente.
Chove. Nada em mim sente…"
Fernando Pessoa

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Novo hit nacional :)

Share

Tournée nacional dos Ala dos Reciclados começa já no próximo sábado, dia 22 de outubro, em Viseu. Festival Electrão

Acostumar

Share
"Posso até me acostumar
E deixar você fugir
Posso até me acostumar
Da gente se divertir

Dava tudo por amor
Eu vi de longe
Dava pra sentir
Você dançando só pra mim

Parece brincadeira
Mas eu sei que a gente faz
Um monte de besteira
Por saber que é bom demais

Posso até me acostumar
E deixar você fugir
Posso até me acostumar
Da gente se divertir

Eu vim mas trouxe o sol
E a tempestade lá de longe
Dava pra sentir você passando devagar
Pareceria tarde
Mas você foi me chamar
Morena da cidade
Eu posso até me acostumar

Posso até me acostumar
E deixar você fugir
Posso até me acostumar
Da gente se divertir"
Acostumar - Marcelo Camelo

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Momentos

Share
Há instantes que determinam a nossa vida. Há decisões que nos comprometem.
Mas também há emoções que nos envolvem.
Há palavras e atitudes que nos inspiram e que nos transformam.
Há músicas que nos unem!



Dia 26 lá estarei

Share
Reflexos de uma nova emoção. Gosto muito.

Gosto disto

Share

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Procurar sem procurar

Share
"Era a ela que ele procurava mesmo quando não procurava"

"Sem correr
Bem devagar
A felicidade voltou para mim
Sem perceber
Sem suspeitar
O meu coração deixou você surgir
E como o despertar depois de um sonho mau
Eu vi o amor sorrindo em seu olhar
E a beleza da ternura de sentir você
Chegou sem correr
Bem devagar
Amor velho que se perde
Sai correndo para outro ninho
Amor novo que se ganha
Vem sem pressa, vem mansinho"
Bem devagar - Caetano Veloso

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Momentos eternos

Share


E a Mangueira já elegeu o novo samba enredo para 2012

Share
Depois de lançado o tema "Vou festejar, Sou Cacique, Sou Mangueira", aqui está o samba eleito. Agora é esperar para sentir a emoção de ver a Verde e Rosa a entrar no sambódromo.
"Salve... A tribo dos bambas
Um “Doce refúgio” de inspiração
Salve... O palácio do sambaOnde um simples verso se torna canção
Debaixo da tamarineira
Um índio guerreiro me fez recordar
Um lugar... O meu berço, num novo lar
Seguindo com os “pés no chão”“Raiz”, que se tornou religião
Da boêmia dos antigos carnavais
Não esquecerei jamais

Firma o batuque que eu quero sambar... ME LEVA!
Já começou... A FESTA!
Esqueça a dor da vida, Caciquiando na avenida

“Sim”... Vi o bloco passando
O nobre rezando, e o povo a cantar
“Sim”... Era um nó na garganta
Ver o Bafo da Onça, a desfilar
“Chora... Chegou à hora eu não vou ligar”
Minha cultura é arte popular
Nasceu em Fundo de Quintal
Sou Imortal e vou dizer agonizar não é morrer
Mangueira... Fez o meu sonho acontecer (hei, hei, hei...)
“O povo não perde o prazer de cantar”
Por todo universo minha voz ecoou
“Respeite quem pôde chegar”
“Onde a agente chegou”

Vem festejar... Na palma da mão
Eu sou o samba... A voz do morro
Não dá pra conter, tamanha emoção
Cacique e Mangueira num só coração"

Saudades do futuro...

Share
Felicidade pura e completa a sul...



quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Belo filme, banda sonora incrível

Share
Há muito tempo que não via um filme que me provocasse tantos solavancos nas emoções. Chama-se "Les petits mouchoirs" e a banda sonora contribui muito para a "emotional rollercoaster" que o filme nos incute.


terça-feira, 4 de outubro de 2011

Se eu pudesse...

Share

"Se eu pudesse por um dia
Esse amor, essa alegria
Eu te juro, te daria
Se pudesse esse amor todo dia
Chega perto, vem sem medo
Chega mais meu coração
Vem ouvir esse segredo
Escondido num choro canção
Se soubesses como eu gosto
Do teu cheiro, teu jeito de flor
Não negavas um beijinho
A quem anda perdido de amor
Chora flauta, chora pinho
Choro eu o teu cantor
Chora manso, bem baixinho
Nesse choro falando de amor

Quando passas, tão bonita
Nessa rua banhada de sol
Minha alma segue aflita
E eu me esqueço até do futebol
Vem depressa, vem sem medo
Foi pra ti meu coração
Que eu guardei esse segredo
Escondido num choro canção
Lá no fundo do meu coração"
Falando de amor - Tom Jobim

Voar...

Share
"Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
...Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
- E daí? EU ADORO VOAR!"

Clarice Lispector
Share
“Seja um Idiota”...

“A idiotice é vital para a felicidade. Gente chata essa que quer ser séria, profunda e visceral sempre. Putz! A vida já é um caos, por que fazermos dela, ainda por cima, um tratado? Deixe a seriedade para as horas em que ela é inevitável: mortes, separações, dores e afins.
No dia-a-dia, pelo amor de Deus, seja idiota! Ria dos próprios defeitos. E de quem acha defeitos em você. Ignore o que o boçal do seu chefe disse. Pense assim: quem tem que carregar aquela cara feia, todos os dias, inseparavelmente, é ele. Pobre dele.
Milhares de casamentos acabaram-se não pela falta de amor, dinheiro, sexo, sincronia, mas pela ausência de idiotice. Trate seu amor como seu melhor amigo, e pronto.
Quem disse que é bom dividirmos a vida com alguém que tem conselho pra tudo, soluções sensatas, mas não consegue rir quando tropeça?
hahahahahahahahaha!...
Alguém que sabe resolver uma crise familiar, mas não tem a menor ideia de como preencher as horas livres de um fim de semana? Quanto tempo faz que você não vai ao cinema?
É bem comum gente que fica perdida quando se acabam os problemas. E daí, o que elas farão se já não têm por que se desesperar?
Desaprenderam a brincar. Eu não quero alguém assim comigo. Você quer? Espero que não.
Tudo que é mais difícil é mais gostoso, mas... a realidade já é dura; piora se for densa.
Dura, densa, e bem ruim.
Brincar é legal. Entendeu?
Esqueça o que te falaram sobre ser adulto, tudo aquilo de não brincar com comida, não falar besteira, não ser imaturo, não chorar, não andar descalço, não tomar chuva.
Pule corda!
Adultos podem (e devem) contar piadas, passear no parque, rir alto e lamber a tampa do iogurte.
Ser adulto não é perder os prazeres da vida - e esse é o único "não" realmente aceitável.
Teste a teoria. Uma semaninha, para começar.
Veja e sinta as coisas como se elas fossem o que realmente são:
passageiras. Acorde de manhã e decida entre duas coisas: ficar de mau humor e transmitir isso adiante ou sorrir...
Bom mesmo é ter problema na cabeça, sorriso na boca e paz no coração!
Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus e que tal um cafezinho gostoso agora?
A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso cante, chore, dance e viva intensamente antes que a cortina se feche!”
Arnaldo Jabor

Overwhelming!

Share

Nightsurf from Iker Elorrieta on Vimeo.

"Mas acontece que eu sorri para ti / E aí, larari, lairiri, lariri…"

Share
Ainda não falei aqui do novo trabalho do Chico Buarque, já ouvi de tudo, desde o muito bom até ao muito mau. Confesso que, também eu, apesar de menos extremista, tenho andado meio dividido. Mas acima de tudo reconheço belas músicas, lindas declarações de amor que reflectem uma consistência de qualidade equiparável a tantos outros belos temas com que o Chico já nos presenteou. O cara deve estar apaixonado e faz muito bem!
Fiquei ainda mais contente por ver alguém tão competente nesta área e que eu respeito tanto, a ter a mesma opinião dita, claro, com uma eloquência extraordinária que me provoca inveja e admiração permanente. Valeu Nelson!

"Com toda a sua densidade musical e poética já reconhecida pela crítica especializada, o que mais me impressiona e emociona no novo disco de Chico Buarque não são as melodias e harmonias elaboradas e nem o virtuosismo e a audácia das rimas, mas as canções de amor, as confissões de um poeta apaixonado. Como um Vinicius moderno, em seus melhores momentos, seu discípulo dileto coloca o coração nos versos e revela o seu encantamento, suas esperanças e temores com um novo amor, logo ele, sempre tão discreto com sua vida pessoal e seus sentimentos.
O poeta sessentão presenteia sua jovem musa - e o público - com músicas e letras que estão entre as suas melhores e afirmam o seu crescimento musical e a sua vitalidade criativa. Sem declarações de amor sentimentais, sem populismo afetivo nem romantismo popular, tudo em forma rigorosa, com palavras, ritmos e sons se harmonizando numa síntese entre razão e emoção difícil de ser encontrada no mercado inesgotável das canções de amor.
"Meu tempo é curto, o tempo dela sobra / Meu cabelo é cinza, o dela é cor de abóbora / Temo que não dure muito a nossa novela, mas / Eu sou tão feliz com ela / Acho que nem sei direito o que é que ela fala, mas / Não canso de contemplá-la."
No blues Essa pequena, entre as delícias do amor e a fugacidade do tempo, entre a urgência e a paciência, Chico enternece sem perder o humor, rimando "ela pinta a boca e sai" com "take your time" e concluindo: "Sinto que ainda vou penar com essa pequena, mas / O blues já valeu a pena".
Na linda Tipo um baião as mudanças bruscas de ritmo e de melodia inspiram os versos que criam imagens vivas dos seus sentimentos: "É São João / Vejo tremeluzir / Seu vestido através da fogueira / É Carnaval/ E o seu vulto a sumir / Entre mil abadás na ladeira".
Como um filme musical, Se eu soubesse é a história do encontro improvável e feliz entre o peso da maturidade e a leveza da juventude, que se harmonizam no dueto amoroso de Chico e Thais Gulin: "Mas acontece que eu sorri para ti / E aí, larari, lairiri, lariri…"
Corações apaixonados de todas as idades devem comprar imediatamente."
Corações apaixonados - Nelson Motta, crónica de 30 de Setembro de 2011 no Estadão
"Ah, se eu soubesse não andava na rua
Perigos não corria
Não tinha amigos, não bebia
Já não ria a toa
Não enfim, cruzar contigo jamais

Ah, se eu pudesse te diria na boa
Não sou mais uma das tais
Não ando com a cabeça na lua.
Nem cantarei 'eu te amo demais',
Casava com outro se fosse capaz
Mas acontece que eu saí por aí
E aí, larari larari larari larara

Ah, se eu soubesse nem olhava a lagoa
Não ia mais à praia
De noite não gingava a saia,
Não dormia nua
Pobre de mim, sonhar contigo, jamais

Ah, se eu pudesse não caía na tua
Conversa mole outra vez
Não dava mole a tua pessoa,
Te abandonava prostrado aos meus pés,
Fugia nos braços de um outro rapaz.

Mas acontece que eu sorri para ti
E aí larari larara lariri, lariri
Pom, pom, pom, ...

Ah, se eu soubesse nem olhava a lagoa
Não ia mais à praia
De noite não gingava a saia,
Não dormia nua
Pobre de mim, sonhar contigo, jamais

Ah, se eu pudesse não caía na tua
Conversa mole outra vez
Não dava mole a tua pessoa,
Te abandonava prostrado aos meus pés,
Fugia nos braços de um outro rapaz.

Mas acontece que eu sorri para ti
E aí larari larara lariri, lariri..."
Se eu soubesse - Chico Buarque com participação Thaís Gulin

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Falta um mês certo!

Share
Dia 4 lá estarei para os ver finalmente a actuar juntos, mal posso esperar.

"Have you ever felt this way?"

Share
Músicas de um Outono muito brilhante.


"Will it ever get better than tonight?"

Sorrisos salgados

Share
Bis...

"E quando eu estiver triste
Simplesmente me abrace
Quando eu estiver louco
Subitamente se afaste
Quando eu estiver fogo
Suavemente se encaixe

E quando eu estiver triste
Simplesmente me abrace
E quando eu estiver louco
Subitamente se afaste
E quando eu estiver bobo
Sutilmente disfarce
Mas quando eu estiver morto
Suplico que não me mate, não
Dentro de ti, dentro de ti

Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti
Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti

E quando eu estiver triste
Simplesmente me abrace
E quando eu estiver louco
Subitamente se afaste
E quando eu estiver bobo
Sutilmente disfarce
Mas quando eu estiver morto
Suplico que não me mate, não
Dentro de ti, dentro de ti

Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti
Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti
Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti
Mesmo que o mundo acabe, enfim
Dentro de tudo que cabe em ti."
Sutilmente - Skank

"Tu sei per me le più bella del mondo
E un amore profondo mi lega a te
Tu sei per me una cara bambina
Primavera divina per il mio cuore

Splende il tuo sorriso
Sul dolce tuo bel viso
E gli occhi tuoi sinceri
Mi parlano d'amore

Tu sei per me la più bella del mondo
E un amore pprofondo mi lega a te
Tutto, tu sei per me

Eu sou o samba
A voz do morro
Sou eu mesmo, sim senhor
Quero mostrar ao mundo
Que tenho valor
Eu sou o rei dos terreiros
Eu sou o samba
Sou natural daqui do Rio de Janeiro
Sou eu quem leva a alegria
Para milhões de corações brasileiros"
La piu bella del mondo - Celso Fonseca

"Temos rotas a seguir
Podemos ir daqui pro mundo
Mas quero ficar porque
Quero mergulhar mais fundo

Só te me encontrar no seu olhar
Já muda tudo
Posso respirar você
E posso te enxergar no escuro

Tem muito tempo na estrada
Muito tem
E como quem não quer nada
Você vem
Depois da onda pesada
A onda zen
É namorar na almofada
E dormir bem

Foi o seu olhar
O que me encantou
Quero um pouco mais
Desse seu amor..."
Seu Olhar - Seu Jorge

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Deve estar dimais, velho!

Share
Superstition, Stevie Wonder e Janelle Monáe no Rock in Rio 11.

Esta é linda

Share
Três lindas e incríveis vozes, música magnífica.


"Eu não sou mais
Quem você
Deixou
Amor (de ver)

Vou a lapa
Decotada
Bebo todas (viro outras)
Beijo bem

Madrugada
Sou da lira
Manhãzinha
De ninguém
Noite alta
É meu dia
E a orgia
É meu bem

Eu não sou mais
Quem você
Deixou
Amor (de ver)"
Beijo sem - Teresa Cristina e Marisa Monte (composição Adriana Calcanhoto)

Como eu queria estar aí

Share
Rock in Rio 2011 a recuperar a siua essência.

Pura intuição...

Share

"Eu sei!
Tudo por acaso
Tudo por atraso
Mera distração...

Eu sei!
Por impaciência
Por obediência
Pura intuição...

Qualquer dia
Qualquer hora
Tempo e dimensão
O futuro foi agora
Tudo é invenção...

Ninguém vai
Saber de nada
E eu sei
Pelo sentimento
Pelo envolvimento
Pelo coração...

Eu sei!
Pela madrugada
Pela emboscada
Pela contramão...

Qualquer dia
Qualquer hora
Tempo e dimensão
O futuro foi agora
Tudo é invenção...

Ninguém vai
Saber de nada
E eu sei
Por qualquer poesia
Por qualquer magia
Por qualquer razão...

E eu sei!
Tudo por acaso
Tudo por atraso
Mera diversão
Mera diversão...

Qualquer dia
Qualquer hora
Tempo e direção
O futuro foi agora
Tudo é invenção...

Ninguém vai
Saber de nada
E eu sei!..."
Tudo por acaso - Lenine

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Fala madrinha!

Share
Saudades de noites quentes no Rio! Louco de saudades, mesmo!

"Nunca mais ouvi falar de amor
Nunca mais eu vi a flor
Nunca mais um beija-flor
Nunca mais um grande amor assim
Que me fizesse um sonhador
Levando a dor pra ter um fim
Pra nunca mais
E nunca mais, amor
Eu tive jeito de sorrir
Eu tive peito de me abrir
Ando louco de saudade
Saudade ô
Que é louca por você
O tempo voa e não perdoa
Só magoa, solidão
Quem ama, chora
Chora quem ama
Quem diz que não ama
Não sonha em vão
Se a gente chora
E tem saudade
E até se atreve
Voltar atrás
Qua a velha frase
O vento leve
Era até breve
Não, nunca mais"
Saudade Louca - Arlindo Cruz e Beth Carvalho

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

69 anos

Share
Hoje o Tim Maia, se estivesse vivo faria 69 anos e, com certeza, faria alguma piada sobre a sugestiva idade... A gente gostava tanto de você, Tim!

"Não sei porque você se foi
Quantas saudades eu senti
E de tristezas vou viver
E aquele adeus não pude dar...

Você marcou na minha vida
Viveu, morreu
Na minha história
Chego a ter medo do futuro
E da solidão
Que em minha porta bate...

E eu!
Gostava tanto de você
Gostava tanto de você...

Eu corro, fujo desta sombra
Em sonho vejo este passado
E na parede do meu quarto
Ainda está o seu retrato
Não quero ver prá não lembrar
Pensei até em me mudar
Lugar qualquer que não exista
O pensamento em você...

E eu!
Gostava tanto de você
Gostava tanto de você...

Não sei porque você se foi
Quantas saudades eu senti
E de tristezas vou viver
E aquele adeus não pude dar...

Você marcou em minha vida
Viveu, morreu
Na minha história
Chego a ter medo do futuro
E da solidão
Que em minha porta bate...

E eu!
Gostava tanto de você
Gostava tanto de você...

Eu corro, fujo desta sombra
Em sonho vejo este passado
E na parede do meu quarto
Ainda está o seu retrato
Não quero ver prá não lembrar
Pensei até em me mudar
Lugar qualquer que não exista
O pensamento em você...

E eu!
Gostava tanto de você
Gostava tanto de você..."
Gostava tanto de você - Tim Maia

Gosto muito deste filme e desta música

Share

"Si tú no vuelves
Se secarán todos los mares
Y esperaré sin ti
Tapiado al fondo de algún recuerdo.

Si tú no vuelves
Mi voluntad se hará pequeña
Me quedaré aquí
Junto a mi perro espiando horizontes

Si tú no vuelves
No quedarán más que desiertos
Y escucharé por si
Algún latido le queda a esta tierra

Que era tan serena
Cuando me querías
Había un perfume fresco que yo respiraba
Era tan bonita, era así de grande
No tenía fin...

Y cada noche vendrá una estrella
A hacerme compañía
Que te cuente cómo estoy
Que sepas lo que hay
Dime amor, amor, amor
Estoy aquí ¿no ves?
Si no vuelves no habrá vida
No sé lo que haré

Si tú no vuelves
No habrá esperanza ni habrá nada
Caminaré sin ti
Con mi tristeza bebiendo lluvia

Que era tan serena
Cuando me querías
Había un perfume fresco que yo respiraba
Era tan bonita, era así de grande
No tenía fin...

Y cada noche vendrá una estrella
A hacerme compañía
Que te cuente cómo estoy
Y sepas lo que hay
Dime amor, amor, amor
Estoy aquí ¿no ves?
Si no vuelves no habrá vida
No sé lo que haré"
Si tu no vuelves - Shakira & Miguel Bosé

20 anos!!!!

Share

Smells like teen spirit - Nirvana

Nova do Seu Jorge

Share

"Vou ficar a noite em claro sem pegar no sono
Meditando sobre o que de fato aconteceu
Eu até pensei que fosse terminar na cama
Como era de costume entre você e eu

Eu fiz de tudo mas era tarde
Foi o que eu podia dar você não entendeu
Eu quis ir fundo e você com medo
Tirou onda pois agora quem não quer sou eu
É... Quem não quer sou eu

Quem não quer sou eu

Pois é...

E vai a noite, vem o dia
E eu aqui pensando
Um cigarro atrás do outro
E eu fumo sem parar
Da janela eu vejo o trânsito congestionado
No meu peito o coração parece buzinar

Eu fiz de tudo mas era tarde
Foi o que eu podia dar você não entendeu
Eu quis ir fundo e você com medo
Tirou onda pois agora quem não quer sou eu
É... Quem não quer sou eu

Quem não quer sou eu

Pois é..."
Quem não quer sou eu - Seu Jorge

terça-feira, 27 de setembro de 2011

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Adoro essa

Share
Mas não conhecia essa versão com a Nina Becker. Ganhou Beleza.

"Eu sempre quis muito
Mesmo que parecesse ser modesto
Juro que eu não presto
Eu sou muito louco, muito
Mas na sua presença
O meu desejo
Parece pequeno
Muito é muito pouco, muito

Broto você é muito, muito
Broto você é muito, muito

Eu nunca quis pouco
Falo de quantidade e intensidade
Bomba de hidrogênio
Luxo para todos, todos
Mas eu nunca pensei
Que houvesse tanto
Coração brilhando
No peito do mundo louco
Gata você é muito
Broto você é massa, massa"
Muito - Caetano Veloso e Nina Becker

Nova da Ana Carolina

Share

"Qualquer distância entre nós
Virou um abismo sem fim
Quando estranhei sua voz
Eu te procurei em mim
Ninguém vai resolver
Problemas de nós dois.

Se tá tão difícil agora
Se um minuto á mais demora
Nem olhando assim mais perto
Consigo ver porque tá tudo tão incerto
Será que foi alguma coisa que eu falei?
Ou algo que fiz que te roubou de mim ?
Sempre que eu encontro uma saída.
Você muda de sonho e mexe na minha vida

O meu amor conhece cada gesto seu
Palavras que o seu olhar só diz pro meu
Se pra você a guerra está perdida
Olha que eu mudo os meus sonhos,
Pra ficar na sua vida!

Se tá tão difícil agora
Se um minuto á mais demora
Nem olhando assim mais perto
Consigo ver porque tá tudo tão incerto
Será que foi alguma coisa que eu falei?
Ou algo que fiz que te roubou de mim ?
Sempre que eu encontro uma saída
Você muda de sonho e mexe na minha vida

Se tá tão difícil agora
Se um minuto á mais demora
Nem olhando assim mais perto
Consigo ver porque tá tudo tão incerto
Será que foi alguma coisa que eu falei?
Ou algo que fiz que te roubou de mim ?
Sempre que eu encontro uma saída
Você muda de sonho e mexe na minha vida

O meu amor conhece cada gesto seu
Palavras que o seu olhar só diz pro meu
Se pra você a guerra está perdida
Olha que eu mudo os meus sonhos,
Pra ficar na sua vida!"
Problemas - Ana Carolina

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Like!!

Share
Aí está a primeira amostra do próximo álbum da Marisa Monte e usando a sua estratégia de lançamento nas redes sociais só posso dizer, Like, muuito!!!
"Ainda bem
Que agora encontrei você
Eu realmente não sei
O que eu fiz pra merecer
Você

Porque ninguém
Dava nada por mim
Que nada eu não tava a fim
Até desacreditei
De mim

O meu coração
Já estava acostumado
Com a solidão quem diria
Que ao meu lado você iria ficar

Você veio pra ficar
Você que me faz feliz
Você que me faz cantar
Assim

O meu coração já estava aposentado
Sem nenhuma ilusão
Tinha sido maltratatdo
Tudo se transofrmou

Agora você chegou
Você que me faz feliz
Você que me faz cantar
Assim

Ainda bem

O meu coração
Já estava acostumado
Com a solidão
Quem diria que ao meu lado
Você iria ficar

Você veio pra ficar
Você que me faz feliz
Você que me faz cantar
Assim

O meu coração já estava aposentado
Sem nenhuma ilusão
Tinha sido maltratatdo
Tudo se transformou

Agora você chegou
Você que me faz feliz
Você que me faz cantar assim

Ainda Bem... "
Ainda Bem - Marisa Monte

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Duetos II

Share
Música já com muita estória pois o seu original já remonta aos anos 70 e é da autoria de Hyldon, um dos parceiros do Tim Maia na música soul brasileira. Mas esta música foi popularizada uns largos anos mais tarde pelos Kid Abelha que, nessa altura, acho que ainda se chamavam Kid Abelha e os Abóboras Selvagens :).
A música chama-se "Na rua, na chuva, na fazenda" e percebem-se e identificam-se vários "sintomas" que estamos habituados a encontrar nas músicas do Tim e em muitos sucessos brasileiros dos anos 70 que foram ressuscitados pelo filme "Cidade de Deus".
A versão dos Kid Abelha tem , neste vídeo, um upgrade graças à participação do Lenine no dueto com a sempre linda Paula Toller.
A outra versão foi um dos momentos dos últimos Prémios Multishow e conta com a presença do Hyldon, da artista revelação Monique Kessous e dos Jotaquest que, curiosamente, também recuperaram, há uns anos, outro sucesso do Hyldon, "As dores do mundo".


"Não estou disposto
A esquecer seu rosto de vez
E acho que é tão normal
Dizem que eu sou louco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim...

Jogue suas mãos para o céu
Agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria que
Estivesse sempre com você
Na rua, na chuva, na fazenda
Ou numa casinha de sapê...

Não estou disposto
A esquecer seu rosto de vez
E acho que é tão normal
Dizem que soy loco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim...

Jogue suas mãos para o céu
Agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria que
Estivesse sempre com você
Na rua, na chuva, na fazenda
Ou numa casinha de sapê..."
Na rua, na chuva, na fazenda - Hyldon

Vozes quentes para uma noite quente de Verão

Share
Uma das minhas vozes preferidas e claramente quente do Brasil, Marina Lima em dois duetos com mais duas grandes vozes, Samuel Rosa dos Skank e Seu Jorge.
Não conhecia o este dueto, bela música e a canção "Fullgas" tem uma das estrofes mais bonitas para mim, "você me abre seus braços e a gente faz um país". E com Seu Jorge, na parada, a coisa fica ainda mais manera.

"Acho que agora vejo
acho que eu encontrei
o que havia e sempre procurei

Não veio das montanhas
nem tava nesse mar
mais de um clarão do seu olhar

Tive histórias tristes
que só eu bem sei
mas que o tempo fez transformar

Só assim pra sentir o beijo
só assim pra reconhecer
a diferença entre os outros e você

Como vale arriscar na vida
como é bom amadurecer
e te encontrar assim por merecer

Tive histórias tristes
que só eu bem sei
e que o tempo fez transformar

Tem vitórias trilhos
que me levam a querer
nesse forte impeto de amar

Amar você pra sempre
Amar você pra sempre
amar você pra sempre
amar você pra sempre

Sei que agora vejo
sei que eu encontrei
o que havia e sempre procurei

Tendo você comigo
há tempo pra sonhar
e o universo inteiro pra alcançar

Tive histórias triste
que só eu bem sei
e que o tempo fez transformar

Em vitórias trilhos
que me levam a querer
esse forte impeto de amar

Amar você pra sempre
Amar você pra sempre
amar você pra sempre
amar você pra sempre

Tive histórias triste
que só eu bem sei
e que o tempo fez transformar

Em vitórias trilhos
que me levam a querer
esse forte impeto de amar

Amar você pra sempre"
Pra Você - Marina Lima e Samuel Rosa

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Belo espetáculo

Share
Que bem que se está a jogar na final do US Open. Nadal e Djokovic estão dar show de bola!

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Merecido

Share
A Monique Kessous ganhou a categoria "Revelação" nos Prémios Multishow, descobria-a há muito pouco tempo mas estou rendido. Volto a repetir o que disse no único post que fiz sobre ela, grande voz, lindas canções.

"Levo a minha vida assim
Não olho só pra quem quiser saber de mim
Me movo para longe de quem não vê nada além de si

Para ainda viver aqui
Espero a hora certa de me divertir
Eu quero andar por onde
Ainda se ver somente o sentido
Puro sentido

Onde estará não vai mais ficar
Vem pra liberar
Sem contra indicação de usar
Tanto faz se é de lá para cá
Ou de cá para lá

Quando chegar, não mais eu estarei
Apático, em parte lá
Tão ávido a esperar
Eu ficarei só a cantar, cantar, cantar"
Levo a minha vida assim - Monique Kessous

Samba Quadrado

Share
Conheço o Rodrigo Maranhão há muitos anos, pelas sua presença nos Bangalafumenga, pelas suas participações nos shows dos Monobloco, das suas colaborações com vários artistas desta nova onda genial da MPB, que a eleva a mais um patamar de extrema qualidade e cheio de dinamismo e jovialidade.
Agora tem o seu primeiro projecto, "Passageiro" que me deixou bastante feliz, recomendo!

"Eu quis fazer um samba importado
Um samba quadrado
Um samba sem rebolado, um samba só

Eu quis fazer meu samba calado sambar parado
Um samba sem teu gingado, um samba só

Eu quis fazer samba pra Maria, mas não fazia
Eu quis um samba por dia
Sambei só

Eu quis fazer um samba falado
Fiz tudo errado e a perna deu um nó"
Samba Quadrado - Rodrigo Maranhão

Feliz aniversário amigo!!

Share
Esta é totalmente para ti!! Ainda por cima com os dois suspeitos do costume jumtos! Ainda vamos ter muitas descobertas da música que amamos, juntos. Grande abraço!

O Pato - João Gilberto, Caetano Veloso

Esta é muito boa, sabe a Verão

Share

Yes - Musiq Soulchild

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

sábado, 3 de setembro de 2011

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Valeu a pena!!...

Share

"Se meus joelhos
Não doessem mais
Diante de um bom motivo
Que me traga fé
Que me traga fé...

Se por alguns
Segundos eu observar
E só observar
A isca e o anzol
A isca e o anzol
A isca e o anzol
A isca e o anzol...

Ainda assim estarei
Pronto pra comemorar
Se eu me tornar
Menos faminto
E curioso
Curioso...

O mar escuro
Trará o medo
Lado a lado
Com os corais
Mais coloridos...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Se eu ousar catar
Na superfície
De qualquer manhã
As palavras
De um livro
Sem final! Sem final!
Sem final! Sem final!
Final...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Se eu ousar catar
Na superfície
De qualquer manhã
As palavras
De um livro
Sem final! Sem final!
Sem final! Sem final!
Final...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões...

Valeu a pena
Êh! Êh!
Valeu a pena
Êh! Êh!
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões...

Valeu a pena
Valeu a pena
Sou pescador de ilusões
Valeu a pena
Valeu a pena
Sou pescador de ilusões
Sou pescador de ilusões
Valeu a pena!..."
Pescador de ilusões - O Rappa

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Esse cara transforma qualquer musica

Share
Senhora e senhores... Seu Jorge, coisa linda do Brasil!

"Tava pensando em nós dois
Buscando um jeito inédito
Pra falar de amor
Nem reparei que o tempo passou

Sonhando, pensando, querendo
Meus olhos caçando você
Pensando, sonhando, querendo
Minha boca mirando você

Já é, suficientemente especial
Posso dizer
Que encontrei...
A cara metade que eu sempre busquei...

Basta olhar pra você
Pra minha boca querer
Um beijo bis
Pela a sorte de ter
Alguém como você
Sou feliz....

Tava pensando em nós dois
Buscando um jeito inédito
Pra falar de amor
Nem reparei que o tempo passou

Pensando, sonhando, querendo
Minha boca mirando você
Pensando, sonhando, querendo
Meus olhos fitando você"
Pensando em nós dois - Ivete Sangalo & Seu Jorge