sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Just Breathe!

Share
Magnífico, não consigo parar de ouvir. Grande banda.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Genial

Share
Uma vida em poucos minutos.

Muito bom!!!

Share
Grande ideia da Cerveza Andes, um teletransporte quase perfeito. Gracias amigo Bé.

Estou viciado nestes tipos

Share
E já tenho bilhete para Maio!
Mais um dia de Sol lindo, o mar da barra, o Tejo e o Monsanto parecem concordar comigo.

sábado, 23 de janeiro de 2010

Ana Carolina e Maria Gadú

Share
Se se quisesse juntar o óptimo com o bom...

"Ouvi dizer que você tá bem
Que já tem um outro alguém
Encontrei moedas pelo chão
Mas não vi ninguém pra me abraçar, me dar a mão

Eu chorei sem disfarçar
Quando vi seu carro passar
Vi todo amor que em mim ainda não passou
Eu já não sei bem aonde vou, mas agora eu vou

Tentei falar mas você não soube ouvir tente admitir
Tentei voltar e pude ver o quanto errei
Te amei mais que a mim
Ah, bem mais que a mim, mais que a mim

Ouvi dizer que você tá bem
Que já tem um outro alguém
Encontrei moedas pelo chão
Mas não vi ninguém pra me abraçar, me dar a mão

Eu chorei sem disfarçar
Quando vi seu carro passar
Vi todo amor que em mim ainda não passou
Eu já não sei bem aonde vou, mas agora eu vou

Tentei falar mas você não soube ouvir tente admitir
Tentei voltar e pude ver o quanto errei
Te amei mais que a mim
Ah, bem mais que a mim, mais que a mim"
Mais que a mim - Ana Carolina

Algo contigo...

Share
Influências inspiradoras
"No hace falta que te diga
que me muero por tener algo contigo
y es que no te has dado cuenta
de lo mucho que me cuesta ser tu amiga
ya no puedo acercarme a tu boca
sin desearla de una manera loca
necesito controlar tu vida
ser quien te besa,y quien te abriga.

No hace falta que te diga
que me muero por tener algo contigo
y es que no te has dado cuenta
de lo mucho que me cuesta ser tu amiga
ya no puedo continuar espiando
dia y noche tu llegar adivinando
ya no se con que inocente excusa
pasar por tu casa
aiiai ya me quedan tan pocos caminos
y aunque pueda parecerte un desatino
no quisiera yo morirme sin tener
algo contigo

Ya no puedo continuar espiando
dia y noche tu llega adivinando
ya no se con que inocente excusa pasar por tu casa
aiiai ya me quedan tan pocos caminos
y aunque pueda parecerte un desatino
no quisiera yo morirme sin tener
algo contigo

aiiai ya me quedan tan pocos caminos
y aunque pueda parecerte un desatino
no quisiera yo morirme sin tener
algo contigo"
Rosario - Algo contigo

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Recordando a Blitz

Share
Entrevista do grande Evandro Mesquita (que fez a personagem inesquecível do Saldanha na novela Top Model) e da Fernanda Abreu para o Faustão, recordando os tempos da banda única Blitz. Ver aqui

"Você não soube me amar" foi o grande sucesso.

Dia de São Sebastião

Share
Depois das mobs, no Natal e no fim do ano, no aeroporto de Lisboa, a TAP decidiu homenagear o Rio no dia do seu santo padroeiro, no passado dia 20 de Janeiro. Tô chegando :).

El tiempo parece que está cambiando para mejor

Share
Boa quinta-feira para todos e especialmente para o meu amigo Pedro. Este vídeo inspira, pede calor! Prometo que me vou lembrar disso quando passar o túnel Rebouças e estiver a vislumbrar, pela primeira vez em 2010, a Lagoa Rodrigo de Freitas e a preparar o meu sotaque Roberto Leal para as próximas duas semanas, é ruim né não?! :). Smooth!
"(...) And if you said this life ain't good enough
I would give my world to lift you up
I could change my life to better suit your mood
'Cause you're so smooth

And it's just like the ocean under the moon
Oh, it's the same as the emotion that I get from you
You got the kind of lovin' that can be so smooth, yeah
Give me your heart, make it real
Or else forget about it (...)"
Smooth - Carlos Santana (feat. Rob Thomas)

No dudaría...

Share
"Si pudiera olvidar
Todo aquello que fui
Si pudiera borrar
Todo lo que yo vi
No dudaría
No dudaría en volver a reír

Si pudiera explicar
Las vidas que quite
Si pudiera quemar
Las armas que use
No dudaría
No dudaría en volver a reír

Prometo ver la alegría
Escarmentar de la experiencia
Pero nunca, nunca mas
Usar la violencia

Si pudiera sembrar
Los campos que arrasé
Si pudiera devolver
La paz que quité
No dudaría
No dudaría en volver a reír

Si pudiera olvidar
Aquel llanto que oí
Si pudiera lograr
Apartarlo de mí
No dudaría
No dudaría en volver a reír

Prometo ver la alegría
Escarmentar de la experiencia
Pero nunca, nunca mas
Usar la violencia."

Inesperadamente...

Share
"Puede ser
que me vuelva a enamorar
y también que me pueda equivocar.
Rezaré porque esta vez tenga más suerte
y después de sufrir tanto y tan fuerte,
quisiera Dios...

Otra vez
tropecé con obsesiones
de volver disfrazadas de canciones;
buscaré un remedio más rotundo
que ofrecer mil poemas de un segundo.
Y quiera Dios...

... que un chispazo de emoción
prenda fuego al corazón
inesperadamente.

Puede ser
que me vuelvas a encontrar
y también que me quieras engañar,
pero sé que tu olvido me hizo fuerte
y al volver a la idea de perderte,
pido a Dios...

..que un chispazo de emoción
prenda fuego al corazón
inesperadamente."
Inesperadamente - Luz Casal

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Monday Therapy

Share
Samba lindo da Ana Carolina aqui em dueto com a Roberta Sá no seu novo dvd de comemoração dos 10 anos de carreira. "Milhares de sambas"

(...)

Share
"As cartas de amor, se há amor
Têm de ser
Ridículas.

Mas afinal
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas."

Álvaro de Campos

domingo, 17 de janeiro de 2010

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Lisboa que amanhece...

Share
"Cansados vão os corpos para casa
dos ritmos imitados de outra dança
a noite finge ser
ainda uma criança
de olhos na lua
com a sua
cegueira da razão e do desejo

A noite é cega e as sombras de Lisboa
são da cidade branca a escura face
Lisboa é mãe solteira
amou como se fosse
a mais indefesa
princesa
que as trevas algum dia coroaram

Não sei se dura sempre esse teu beijo
ou apenas o que resta desta noite
o vento enfim parou
já mal o vejo
por sobre o Tejo
e já tudo pode ser tudo aquilo que parece
na Lisboa que amanhece

O Tejo que reflecte o dia à solta
à noite é prisioneiro dos olhares
ao cais dos miradouros
vão chegando dos bares
os navegantes
amantes
das teias que o amor e o fumo tecem

E o Necas que julgou que era cantora
que as dádivas da noite são eternas
mal chega a madrugada
tem que rapar as pernas
para que o dia não traia
Dietrichs que não foram nem Marlenes

Não sei se dura sempre esse teu beijo ...

Em sonhos, é sabido, não se morre
aliás essa é a única vantagem
de, após o vão trabalho
o povo ir de viagem
ao sono fundo
fecundo
em glórias e terrores e venturas

E ai de quem acorda estremunhado
espreitando pela fresta a ver se é dia
a esse as ansiedades
ditam sentenças friamente ao ouvido
ruído
que a noite, a seu costume, transfigura

Não sei se dura sempre esse teu beijo ..."

Lisboa que amanhece - Sérgio Godinho (versão com Caetano Veloso)
Para mim, a versão da música, Caetano faz toda a diferença. É raro o amanhecer em Lisboa em que ela não me venha à cabeça.

Chorinho

Share
Saudades da Lapa.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Inverno

Share
A noite foi horrível e acordei várias vezes com a violência da chuva e do vento, o dia parece que veio incompleto pois esqueceu-se de trazer a luz e manteve o registo da noite. Há muito tempo que o Inverno não nos presenteava com um dia tão anti-social.
Em desespero podemos tentar arranjar um lado positivo para tudo isto e dizer, quase com desabafo, "Ao menos é bom para a agricultura!", no entanto, vemos depois nas notícias que o mau tempo causou enormes prejuízos, principalmente na... agricultura! Não vale a pena, o mundo institui que estes dias são considerados mau tempo e para combater isso só doses exageradas de bom humor que, nestes dias, têm de ser injectadas com as seringas das farturas!
Entretanto, no outro lado do Atlântico, depois daquelas chuvas desgraçadas e traiçoeiras, o sol voltou em todo o seu esplendor e o termómetro já tocou e ultrapassou várias vezes os 40 graus.
"Rio 40 graus,
Cidade maravilha,
Purgatório da beleza e do caos"
Rio 40 graus - Fernanda Abreu

domingo, 10 de janeiro de 2010

Em homenagem aos amigos do jantar de passagem de ano

Share
Música mais ouvida da noite. Bom ano, ainda posso desejar!

Colgando en tus manos - Carlos Baute e Marta Sánchez

Almoço de família

Share
Mais um aniversário da minha mãe, dou cada vez mais valor de ter estes momentos com os meus pais.

Bendita tu luz - Maná

sábado, 9 de janeiro de 2010

Saudades do Mar

Share

"These things you keep
You'd better throw them away
You wanna turn your back
On your soulless days
Once you were tethered
And now you are free
Once you were tethered
Well now you are free
That was the river
This is the sea!

Now if you're feelin' weary
If you've been alone too long
Maybe you've been suffering from
A few too many
Plans that have gone wrong
And you're trying to remember
How fine your life used to be
Running around banging your drum
Like it's 1973
Well that was the river
This is the sea!
Wooo!

Now you say you've got trouble
You say you've got pain
You say've got nothing left to believe in
Nothing to hold on to
Nothing to trust
Nothing but chains
You're scouring your conscience
Raking through your memories
Scouring your conscience
Raking through your memories
But that was the river
This is the sea yeah!

Now i can see you wavering
As you try to decide
You've got a war in your head
And it's tearing you up inside
You're trying to make sense
Of something that you just can't see
Trying to make sense now
And you know you once held the key
But that was the river
And this is the sea!
Yeah yeah yeah yeah yeah yeah yeah!

Now i hear there's a train
It's coming on down the line
It's yours if you hurry
You've got still enough time
And you don't need no ticket
And you don't pay no fee
No you don't need no ticket
You don't pay no fee
Because that was the river
And this is the sea!

Behold the sea!"
This is the sea - Waterboys

Teresa da Praia

Share
Em homenagem ao meu querido brother Paulinho. Umas das primeiras criações do mestre e maestro Tom Jobim, aqui em parceria com Billy Blanco. Uma criação que seriu para apaziguar um conflito latente entre os clubes e fãs dos dois grandes ícons da época, Dick Farney e Lúcio Alves. A guera era tão real que os dois resolveram fazer um dueto para demonstrarem que se davam bem, pelo menos, é isso que conta Ruy de Castro no seu apaixonante livro Chega de Saudades. Infelizmente não existe a versão desse dueto mas tem uma versão da música com o Dick Farney e tem também a versão deliciosa do Roberto Carlos e Caetano Veloso no show dos dois, de homenagem aos 50 anos da Bossa Nova.

Já pra lá de Marraquexe

Share
Quantas vezes nos sentimos assim, né?

Qualquer Coisa - Caetano Veloso

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Malandro

Share
Jorge Aragão e Elza Soares, único e contagiante. Noutros tempos esta era a típica noite da malandragem.

Ainda que...

Share
"Ainda que mal pergunte,
ainda que mal respondas;
ainda que mal te entendas,
ainda que mal repitas;
ainda que mal insista,
ainda que mal desculpes;
ainda que mal me exprima,
ainda que mal me julgues;
ainda que mal me mostre,
ainda que mal me vejas;
ainda que mal te encare,
ainda que mal te furtes;
ainda que mal te siga,
ainda que mal te voltes;
ainda que mal te ame,
ainda que mal o saibas;
ainda que mal te agarre,
ainda que mal te mates;
ainda, assim, pergunto:
me amas?
E me queimando em teu seio,
me salvo e me dano...
... de amor."
Ainda que mal - Carlos Drummond de Andrade

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Samba enredo 2010 G.R.E.S. Mangueira

Share
Estação Primeira, coração verde e rosa!

Há tanto tempo que não ouvia isto!!

Share
Só surpresas, canal novo, Fox Next?! Nunca tinha visto mas foi uma estreia em cheio, revendo o incrível e único "Entrevista com o Vampiro" que acaba com o magnífico "Simpathy for the Devil", numa versão dos Guns N' Roses. Retorno ao passado! E consegui encontrar um vídeo com essa versão e com imagens do filme, melhor estragava!

Já agora, amo a versão original, como também bastantes outros temas dos Rolling Stones e encontrei esta versão remisturada pelos "The Neptunes" muito inspiradora :) Cool n' great remix!

"Please allow me to introduce myself
I'm a man of wealth and taste"

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

É preciso saber viver

Share
"A única verdade é que vivo.
Sinceramente, eu vivo.
Quem sou?
Bem, isso já é demais...."
Clarice Lispector


Titãs - É preciso saber Viver

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Instantes

Share
"A felicidade é quase sempre uma irresponsabilidade. Somos felizes durante os breves instantes em que fechamos os olhos."

José Eduardo Agualusa in O Vendedor de Passados

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Eu sou é madeira...

Share
Eu bato a bola do jeito que ela vem,
E dou recado de coração quente!

"Eu sou é madeira
Em samba de roda já dei muito nó...
Em roda de samba sou considerado,
De chinelo novo brinquei carnaval, carnaval
Sou é madeira
Meu peito é do povo do samba e da gente,
E dou meu recado de coração quente
Não ligo à tristeza, não furo, eu sou gente
Sou é madeira
Trabalho é besteira, o negócio é sambar
Que samba é ciência e com consciência
Só ter paciência que eu chego até lá...
Sou nó na madeira
Lenha na fogueira que já vai pegar
Ser fogo que fica ninguém mais apaga
É a paga da praga que eu vou te rogar, devagar..."
Nó na madeira - Diogo Nogueira

Sina

Share
Uma das minhas sinas é emocionar-me sempre com as várias vozes do Caetano Veloso. A nossa sina é fazermos tudo para sermos felizes e fazermos felizes os que nos fazem bem evocando cada momento especial da nossa vida, tornando-os inesquecíveis.
Excelentes exemplos são os posts da Mónica Marques no Sushi Leblon e do Pedro Ribeiro no Dias Úteis.

"(...)A luz de um grande prazer
É irremediável néon
Quando o grito do prazer
Açoitar o ar
Reveillon...
O luar
Estrela do mar
O sol e o dom
Quiçá um dia
A fúria, desse dom
Virá
Lapidar o sonho
Até gerar o som
Como querer
Caetanear
O que há de bom.(...)"
Djavan - Sina

sábado, 2 de janeiro de 2010

2º dia do ano

Share


As resoluções ficam adiadas por mais uns momentos.

Elis Regina - Ladeira da Preguiça

Elis Regina - Vou deitar e rolar

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Primeiro dia

Share
Lua nova no primeiro dia do ano é augúrio de um grande ano para todos nós!
Só gostava de deixar de rebolar depois do tanto que comi em menos de 24 horas!


U2 - New Year's Day